PERFEIÇÃO

Muitas pessoas não fazem parte de uma igreja por não encontrar a igreja adequada para elas. Mas será que existe a igreja perfeita, a religião perfeita para que todas as pessoas encontrem um lugar para congregar e fazer um movimento que agrade a Deus? Ou algumas pessoas realmente nasceram para não fazer “parte”? Esses são alguns questionamentos meus, não sei você.

Ouve-se muitas críticas a respeito das religiões e de seus líderes, independente se cristãos evangélicos ou católicos ou outro seguimento que exista. Eu também já estive nessa posição de inconformismo à procura de uma igreja que ao meu entender representasse os ensinamentos de Jesus Cristo conforme eu entendia desde de que ainda era uma criança. E assim eu achava que sabia ao certo. Afinal, o representante da igreja é o próprio Jesus Cristo, sendo Ele a cabeça, e o corpo são os membros, isso significa alguma coisa para você? Será que todos os membros de um corpo são igualmente saudáveis o tempo todo? A função de cada órgão é a mesma? Claro que não. E então na igreja é semelhante, cada pessoa é diferente, e essa diferença é que soma para a unidade. O respeito às formas e as diferenças são competências que precisamos desenvolver, e a adaptabilidade também. Tem pessoas que não se adaptam nem consigo mesmas, e então como se adaptar a uma organização onde só parece boa se for do seu jeito!

Líderes cristão não são deuses, são pessoas humanas como qualquer outra no desempenho de sua missão, seu propósito de vida. Elas sofrem transformações permanentes como qualquer outra. Conhecimento de Deus é para todos, não significa que um líder tenha a obrigação de saber tudo o tempo todo, ele também aprende a olhar a vida a partir de uma sugestão sua… Desde que você seja alguém que saiba respeitosamente apresentar a sua forma de olhar e permitir o diálogo que enriquece o relacionamento. E antes de tudo seja alguém que mereça crédito. Toda crítica tem um objetivo, já parou para pensar sobre isso?

Tem gente que ama conselhos, já outras rejeitam. A bíblia diz que na multidão dos conselhos há sabedoria… Mas se for aconselhar-se com alguém que esteja com uma vida confusa, é bom saber que ela só quer encontrar adeptos para sua via torta. Cuidado! Ademais, todos temos liberdade de perguntar a Deus, ao Espírito Santo, se o que pensa está coerente com o que Ele desenhou para essa situação. E acredite, Ele nunca falha. Quer não errar? Aconselhe-se com seu melhor mentor, Jesus Cristo que se ofereceu gratuitamente para te ajudar.

Comecei a entender que a santificação é uma busca constante enquanto estivermos na vida terrena, porque todos somos pecadores independente do ato em si. Pecado é errar na forma de viver e fazer as coisas, e para Deus, julgar esse ou aquele tanto faz… Conceito humano é pela lógica humana, conceito divino está fora do nosso entendimento. Sendo que a cada ato cabe uma consequência… E não é problema do outro, é do próprio autor do ato.

Os mandamentos são simples e completos, o não julgar seria suficiente para o bom entendimento e aceitação do outro com suas diferenças. A todo instante julgamos e somos julgados, mesmo por pensamento, e nisso já estamos pecando. A santificação é uma busca permanente, permita-se errar, mas permita-se a cada dia mais se arrepender e se consertar. Aos poucos ficará blindado contra rebeldias, fofocas, ilusões auditivas e visuais, e isto é ser humilde e viver a santificação.

Não sejas Deus e nem tente imitá-lo, seja humano dependente Dele diariamente.

Talvez você curta